(20/02 13h) Recital Almeida Prado e a Trompa – Defesa de Doutorado 

(20/02 13h) Recital Almeida Prado e a Trompa – Defesa de Doutorado 

Título:  Recital Almeida Prado e a Trompa – Defesa de Doutorado 
Data: 20/02/2018
Horário: 13h
Local: Sala Multiuso

Este Recital é um dos pré requisitos para obtenção do título de Doutorado pelo Programa de Pós Graduação em Música do Instituto de Artes da UNICAMP. A tese defendida pelo doutorando Lucca Zambonini baseia-se em uma obra do compositor Almeida Prado, a Badala para Trompa em Fá e Piano de 1998. José Antônio Rezende de Almeida Prado nasceu em Santos, São Paulo, em 1943 e faleceu em São Paulo, Capital, em 2010. Figura entre os mais importantes compositores contemporâneos do Brasil com mais de 700 obras compostas, que mostram quão volumosa é sua produção. Além de compositor, foi diretor do Conservatório Municipal de Cubatão e também professor de composição, orquestração, percepção e análise da Universidade Estadual de Campinas. Lucca Zambonini Possui graduação em Instrumento Erudito – Trompa pela Faculdades Santa Marcelina (2009) e mestrado em Trompa/Artes pela Hochschule für Musik Karlsruhe (2013). Atualmente é doutorando pela UNICAMP, maestro da Camerata Dominante, professor de trompa – FIAM-FAAM Centro Universitário e Faculdade Cantareira além de ocupar o cargo de Solista Especial na Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas.

Programa:

Da Carta de Pero Vaz de Caminha (2000) – Almeida Prado Lucca Zambonini (trompa), Eder Grangeiro (violino) e Murilo Emerenciano (piano)

Trio do Pavão (2002) – Almeida Prado Lucca Zambonini (trompa), Martin Lazarov (oboé) e Murilo Emerenciano (piano)

Balada para Violoncelo e Piano (1985) – Almeida Prado Rafael Cesário (violoncelo) e Murilo Emerenciano (piano)